Ygotz On outubro - 5 - 2012

ULTIMATE MARVEL – #025

Olá pessoal, tudo bom? É com imenso prazer que venho trazer a REVIEW da edição Ultimate Marvel #025; revista que já se tornou HISTÓRICA por ser um marco na trajetória de 50 anos de Homem-Aranha, a revista em versão ULTIMATE que conta a história de Peter Parker e Cia nos dias atuais, na tecnologia moderna e com uma história revisada e reescrita narra um momento único na séria: a morte do Homem-Aranha.

Já haviam outros momentos em que houvesse suspeita que Peter Parker teria morrido (confira aqui), mas em nenhum momento o acontecimento foi verdadeiro… até chegar essa revista.

Sobre a revista:

A editora brasileira tenta trazer o máximo possível do valor nesse momento importante do nosso herói preferido. Ela investiu em 124 páginas de pura emoção, cores e com uma capa falsa protetora (típica em livros) que faz referência à capa americana.

O preço também foi caprichado, o dobro do valor. 😛 Mas a revista vale a pena ficar guardada no seu acervo de quadrinhos para todo o sempre.

A atual história de Ultimate Marvel mostra momentos importantes da uma guerra social no qual os heróis Os Vingadores e Os Supremos precisam combater. Há troca de presidente da S.H.I.E.L.D., tentativa de alienação à população americana e mundial aos ataques ao Irã, cenas fortes de ataques e guerra em rua, tiroteios, atropelamentos e tudo que há de ruim e não precisa ser destacado aqui.

Peter Parker havia recebido um tiro do Justiceiro que tinha como alvo o Capitão América, contradizendo o soldado patriota americano, Peter Parker foi até essa ocorrência e conseguiu interceptar o tiro. O Justiceiro, atordoado por ter atirado em uma criança, pediu para que fosse preso e sacrificado, afinal, ele clamava por justiça. Capitão América, deixou o rapaz para traz.

A edição #025 começa quente na batalha de Homem-Aranha versus seus maiores inimigos liderados por Norman Osborn, o Duende Verde.

Dr Octopus que havia recusado a participar do plano de assassinar Peter Parker acabara nas mãos do Duende. Só restava Homem-Aranha baleado e atuando para não ser notado que estava debilitado contra os seus inimigos mortais.

A luta estava desigual, o Tocha Humana e o Homem de Gelo estavam desacordados. Peter lutava com todo o restante de sua força, sem máscara, clamando por uma ambulância e ajuda dos X-Men, Os Vingadores, Supremos até da polícia, mas ninguém apareceu. Apenas sua família e amigos, Tia May, Gwen Stacy e Mary Jane, as três mulheres que Peter Parker havia amado, estavam lá, do lado dele, dando-lhe forças.

Peter consegue depois do sacrifício máximo de seu corpo aparentemente vencer o Duende Verde. Deitado no chão, ao redor de sua família diz essas heróicas palavras:
“Não percebeu? Ta tudo certo. Eu consegui. Não deu para salvar o tio Ben. Não importa o que eu tenha feito. Mas eu te salvei. Deu tudo certo”, e assim, Peter Parker, o Homem-Aranha, morre.

Encerramos esse post por aqui.

Sobre o Autor

Quem sou eu? Quer mesmo saber?

VÍDEOS

Navegador de Podcasts





PADRIM

Padrim3

Visite Nossa Loja Virtual

Loja Virtual

CANAIS

Feeds Twitter You Tube Instagram Facebook

Fan Page

9ª Arte