Presto Gaudio On janeiro - 23 - 2013

Ultimate Spider-Man (S01E22) – The Iron-Octopus

Nesta semana começamos o episódio com Peter e Harry jogando video-game enquanto Norman se encontra em outra parte do apartamento estudando um certo aracnídeo. De repente o prédio é atacado pelo Homem de Ferro. Peter logo surge vestido com seu uniforme e ajuda Norman a se defender, não que fosse muito necessário, já que Osborn conta com diversas armas em seu escritório.

 

Logo descobrimos que a armadura estava vazia, infelizmente o titulo já revela quem esta por trás do ataque: Dr.Octopus. Peter vai para a casa de Tony Stark em busca de ajuda, mas é ele quem tem que ajudá-lo, pois as antigas armaduras de Tony também estão sendo remotamente controladas. Quem descobre quem estava por trás dos ataques foi Peter ao conseguir uma parte da máquina que estava hakeando os computadores de Stark. No entanto a outra parte do aparelho foge e leva as informações conseguidas para Octopus. Neste momento descobrimos que parte do plano do Dr.Oc. é produzir um reator Arc. para fornecer energia para sua própria armadura. Nesta seqüência parece uma referência interessante, a máquina que roubou as informações para o vilão é extremamente semelhante com os aparelhos que caçavam os seres humanos do filme Matrix.

No Aero-Porta-Aviões da SHIELD quem dá a pista da verdadeira identidade do Dr.Octopus é o Dr. Connors. Octopus seria Otto Octavius, um brilhante cientista colega de faculdade de Connors que ao se formar foi trabalhar nas Indústrias Oscorp, onde teria sofrido um acidente. Segundo Norman, Otto havia morrido no acidente. Octopus então ataca a SHIELD com sua nova e destruidora armadura e consegue seqüestrar Norman e Harry. Tony é posto fora de combate e Peter veste a armadura vista nos primeiros episódios da série e vai atrás do vilão.

 

No final do episódio vemos uma experimentação interessante da equipe de arte: a narrativa passou a ser apresentada em quadros que simulavam uma revista em quadrinhos. Embora bem feita, não foi um recurso inovador, uma das melhores iniciativas nesse sentido foi feito de forma exaustiva no filme do Hulk de 2003 dirigido por Ang Lee.

Sobre o Autor

Colecionador de quadrinhos desde A Morte do Super-Homem (antigamente, era assim que se escrevia). Já o Homem Aranha foi a fatídica saga do Clone que, podem me criticar, eu gostei, embora tenha acabado muito ruim e terem exterminado qualquer consequência. Historiador de formação que ainda sonha em ser arqueólogo.

VÍDEOS

Navegador de Podcasts





PADRIM

Padrim3

Visite Nossa Loja Virtual

Loja Virtual

CANAIS

Feeds Twitter You Tube Instagram Facebook

Fan Page

9ª Arte