Presto Gaudio On junho - 30 - 2014

Ultimate Marvel 47 – Homem-Aranha

Chegando a tempo, antes do fim do mês de maio junho trago mais uma review. Nesta edição, depois da saga onde uma nova guerra civil americana transformou o Capitão América no novo presidente e uma edição .1 com a investigação de Betty Brant sobre a identidade do novo Homem-Aranha, voltaremos a programação normal de Miles. É um novo arco que se inicia em Ultimate Spider-Man 19 de março de 2013.

A história começa com Miles se divertindo ao balançar entre os prédios de Nova York. Até que descobre que uma hora a teia, proporcionando a oportunidade de se tornar a nova sensação do you tube. Em seguida temos uma sequência interessante e sem falas que mostra o Venom destruindo a (já abandonada) Oscorp. Depois ainda vemos Ganke se firmando como parceiro e suporte do novo Homem-Aranha, agora além dos “sábios” conselhos de um amigo empolgado, ele se responsabilizará em reproduzir a fórmula do fluido de teia de Peter com um kit infantil de química.

ultimate-spiderman-19a

A segunda metade da história é sobre esqueletos no armário. O peso na consciência que o J.J.Jameson desta realidade tem pela morte de Peter Parker criou um senso de responsabilidade que o impele a proteger o novo herói. Enquanto que o pai de Miles Morales luta contra um conflito interno, ter matado os agentes da Hidra o faz relembrar a época em que era um bandido.

A arte desta edição é de Sara Pichelli, como sempre ela apresenta bons desenhos, tanto em cenários como expressões. Mas se destaca na construção de algumas páginas silenciosas, feitas com primazia, são verdadeiros storyboards arte finalizados que, mesmo sem apresentar nenhum diálogo ou recordatório, ou mesmo expressão de personagens é capa de mostrar a grande periculosidade do vilão deste arco. Em relação ao roteiro, ele parece ficar ainda melhor, não que Bendis escreva mal suas histórias, mas como já mencionei antes, suas histórias costumas se alongar muito. No entanto de umas edições para cá ele está conseguindo contar algo que dê para entender sem precisar de dezenas de outras edições para desenvolver apenas um plot. E na próxima edição: Venom.

Conrad_Marcus_(Earth-1610)_from_Ultimate_Comics_Spider-Man_Vol_1_19

Sobre o Autor

Colecionador de quadrinhos desde A Morte do Super-Homem (antigamente, era assim que se escrevia). Já o Homem Aranha foi a fatídica saga do Clone que, podem me criticar, eu gostei, embora tenha acabado muito ruim e terem exterminado qualquer consequência. Historiador de formação que ainda sonha em ser arqueólogo.

VÍDEOS

Navegador de Podcasts





PADRIM

Padrim3

Visite Nossa Loja Virtual

Loja Virtual

CANAIS

Feeds Twitter You Tube Instagram Facebook

Fan Page

9ª Arte