Presto Gaudio On abril - 20 - 2017

Espetacular Homem-Aranha 5

Nessa edição, que foi lançada pela Panini em março de 2017, acompanhamos mais duas edições de Amazing Spider-Man, a oito e nove,  com o final do arco contra o Sr Negativo e início de mais um com o Zodíaco, e Spider-Man, encerrando o primeiro arco do Miles Morales no universo prime. Nas duas Amazing, Dan Slott e Marte Gracia se mantém nos roteiros e cores, respectivamente. Porém, os desenhos mudam, na primeira temos arte de Matteo Bufagni, e na segunda história Giuseppe Camuncoli fica com os desenhos, enquanto Cam Smith se responsabiliza pela arte-final.
6c3c98de7cfc34941d79c24c7125acb1
 Começamos então com o plano do Aranha para capturar o Sr.Negativo, e para isso nada melhor que usar o maior filantropo da China, e gangster arrependido Shen Quinghao. Seu maior problema é a previsibilidade, toda a edição já tinha sido ‘contada’ em histórias passadas, até a reviravolta da Lian tentando matar o Aranha foi anunciada na edição passada, de forma que perdemos um pouco da empolgação ao ler. O lado positivo é que o desenvolvimento da narrativa gráfica, a forma como Bufagni encadeou os quadrinhos e enquadrou os personagens e muito bem feita e consegue passar a ação das lutas e quedas nos precipícios urbanos.
Em seguida, com ajuda de Lian que se arrependeu e resolveu ajudar Peter a capturar o Escorpião, acompanhamos o retorno da Shield às Empresas Parker. E um plano surreal do Homem-Aranha para acabar com o Zodíaco… Talvez mesmo a palavra surreal não contemple o todo, mas basicamente Peter foi para o espaço, brincou de Gravidade destruindo satélites e por fim bancou o Shiryu contra o Capricórnio, mas no vetor inverso.
AmazingSpider-Man20159-p14
Fechando a revista temos o fim do primeiro arco de Miles Morales com Bendis no roteiro, Sara Pichelli na arte, Gaetano Carlucci auxiliando a arte-final e Justin Ponsor nas cores. E como um bom Bendis, aqui temos quatro narrativas acontecendo em paralelo: o Bolas Douradas se torna um novo colega de quarto no alojamento da escola, a avó contrata a Jessica Jones, o Miles brigando com o Cabeça de Martelo e a Gata Negra, e seu pai voltando para a Shield em troca de proteção para o filho, tudo isso em apenas 20 páginas… Ufa.

Sobre o Autor

Colecionador de quadrinhos desde A Morte do Super-Homem (antigamente, era assim que se escrevia). Já o Homem Aranha foi a fatídica saga do Clone que, podem me criticar, eu gostei, embora tenha acabado muito ruim e terem exterminado qualquer consequência. Historiador de formação que ainda sonha em ser arqueólogo.

Leave a Reply


Wordpress Themes

VÍDEOS

PADRIM

Padrim3

Visite Nossa Loja Virtual

Loja Virtual

CANAIS

Feeds Twitter You Tube Instagram Facebook

Fan Page

9ª Arte