Presto Gaudio On abril - 20 - 2017

Espetacular Homem-Aranha 5

Nessa edição, que foi lançada pela Panini em março de 2017, acompanhamos mais duas edições de Amazing Spider-Man, a oito e nove,  com o final do arco contra o Sr Negativo e início de mais um com o Zodíaco, e Spider-Man, encerrando o primeiro arco do Miles Morales no universo prime. Nas duas Amazing, Dan Slott e Marte Gracia se mantém nos roteiros e cores, respectivamente. Porém, os desenhos mudam, na primeira temos arte de Matteo Bufagni, e na segunda história Giuseppe Camuncoli fica com os desenhos, enquanto Cam Smith se responsabiliza pela arte-final.
6c3c98de7cfc34941d79c24c7125acb1
 Começamos então com o plano do Aranha para capturar o Sr.Negativo, e para isso nada melhor que usar o maior filantropo da China, e gangster arrependido Shen Quinghao. Seu maior problema é a previsibilidade, toda a edição já tinha sido ‘contada’ em histórias passadas, até a reviravolta da Lian tentando matar o Aranha foi anunciada na edição passada, de forma que perdemos um pouco da empolgação ao ler. O lado positivo é que o desenvolvimento da narrativa gráfica, a forma como Bufagni encadeou os quadrinhos e enquadrou os personagens e muito bem feita e consegue passar a ação das lutas e quedas nos precipícios urbanos.
Em seguida, com ajuda de Lian que se arrependeu e resolveu ajudar Peter a capturar o Escorpião, acompanhamos o retorno da Shield às Empresas Parker. E um plano surreal do Homem-Aranha para acabar com o Zodíaco… Talvez mesmo a palavra surreal não contemple o todo, mas basicamente Peter foi para o espaço, brincou de Gravidade destruindo satélites e por fim bancou o Shiryu contra o Capricórnio, mas no vetor inverso.
AmazingSpider-Man20159-p14
Fechando a revista temos o fim do primeiro arco de Miles Morales com Bendis no roteiro, Sara Pichelli na arte, Gaetano Carlucci auxiliando a arte-final e Justin Ponsor nas cores. E como um bom Bendis, aqui temos quatro narrativas acontecendo em paralelo: o Bolas Douradas se torna um novo colega de quarto no alojamento da escola, a avó contrata a Jessica Jones, o Miles brigando com o Cabeça de Martelo e a Gata Negra, e seu pai voltando para a Shield em troca de proteção para o filho, tudo isso em apenas 20 páginas… Ufa.

Sobre o Autor

Colecionador de quadrinhos desde A Morte do Super-Homem (antigamente, era assim que se escrevia). Já o Homem Aranha foi a fatídica saga do Clone que, podem me criticar, eu gostei, embora tenha acabado muito ruim e terem exterminado qualquer consequência. Historiador de formação que ainda sonha em ser arqueólogo.

VÍDEOS

Navegador de Podcasts





PADRIM

Padrim3

Visite Nossa Loja Virtual

Loja Virtual

CANAIS

Feeds Twitter You Tube Instagram Facebook

Fan Page

9ª Arte