Depois que foi revelado em Invasão Secreta (escrita por Bendis) que a Mulher-Aranha era a Rainha Skrull e a verdadeira Jessica Drew foi encontrada com os outros heróis que haviam sido raptados pelos skrulls, como a Harpia, Brian Michael Bendis começou a escrever um novo título próprio da Mulher-Aranha. Não se sabe exatamente quando Jessica foi substituída pela skrull, mas mais uma vez ela tinha perdido uma parte da sua vida. O que ela faria agora? É o que veremos em Spider-Woman (2009), com arte de Alex Maleev, que infelizmente durou apenas sete edições.

Jessica é convidada por Abigail Brand para ser uma agente da SWORD (ESPADA – Equipe de Supervisão, Pesquisa, Avaliação e Defesa Alienígena). Brand entrega um relógio de pulso detector de aliens para que ela encontre um skrull (levando em consideração também a sua faceta de investigadora particular). E a missão a leva para Madripor. Lá ela chega e enfrentar um skrull que estava disfarçado do Homem-Aranha; encontrar a Madame HIDRA, que a leva a uma base na qual estavam mantendo outro skrull preso, o qual também confronta; e chega a enfrentar os Thunderbolts de Norman Osborn (este arco se passa antes de Reinado Sombrio).

SWSWORD 1

Na última edição Jessica finalmente encontra o skrull que sua missão requeria. Enquanto ela o enfrentava, alguns dos outros integrantes dos Novos Vingadores da época – Wolverine, Homem-Aranha, Miss Marvel, Capitão América (Bucky Barnes), Luke Cage, Harpia e Ronin (Clint Barton)  – chegam para ajudá-la. Miss Marvel (lembrando que Carol e Jessica são grandes amigas) diz a Jessica que ela podia tê-la chamado para ajudar na missão, já que Jessica já a ajudou em momentos difíceis. Jessica e Wolverine conseguem abater o skrull. No jato dos Vingadores, voltando aos EUA, wolverine tem uma conversa semelhante a que Jessica teve com Carol, deixando claro que ela tem amigos e que sempre podia contar com eles. Observação importante: Jessica e Wolverine chegaram a combater o crime juntos em Madripor no título solo do Wolverine de 1988. Mas não dá pra saber se o Bendis usou isso como referência, considerando que ele alterou muito a origem da Mulher-Aranha e possivelmente desconsiderando boa parte do que aconteceu à personagem entre o seu primeiro título solo e o início de Novos Vingadores.

SWSWORD 3

Não quis demorar muito descrevendo o arco pois acho que o mais importante aqui é fazer algumas observações a respeito do título:

Essa é possivelmente a melhor maneira de trabalhar a Mulher-Aranha: um clima de espionagem, explorando os seus lados de agente e investigadora; piadas sutis e sarcásticas (cai bem com a personalidade da Jessica); narrativa que utiliza as reflexões da personagem, coisa que quando o Bendis está com a mão certa faz muito bem (e eu particularmente gosto muito de narrativas assim, sendo um dos motivos de eu gostar em geral da fase do JMS no Homem-Aranha). Qualquer um que escreva a personagem (seja para uma HQ, uma animação ou um filme) deveria levar em consideração no mínimo esses elementos. Enfatizo o sarcasmo da personagem aqui. Acho que isso rende boas piadas sutis e dá uma característica forte para a personagem, fazendo com que o leitor a conheça melhor e até desperte interesse nela. Espero que a Panini chegue a publicar esse título em algum momento para que uma boa quantia de leitores do Brasil possam ter acesso a essa abordagem. É importante ressaltar que esse título também teve uma versão em Motion Comic. E como já disse, houve apenas esse arco e a revista foi cancelada. A Mulher-Aranha, como o leitor sabe, continuou aparecendo em Novos Vingadores, que o Bendis ainda viria a escrever por um bom tempo. Uma pena. É provável que se o título tivesse sido escrito nos tempos atuais haveria plenas condições de ele ficar de pé por um bom tempo, como o Demolidor também de Bendis e Maleev nos anos 2000.

Para conferir todos os artigos da série dos 40 anos da Mulher-Aranha clique aqui.

Sobre o Autor

André Marques (antes autor do The Amazing Spider-Blog, theamazingspiderblogg.blogspot.com.br) tem 21 anos e é de Recife-PE. Costuma ler a Marvel desde 2006, tendo como personagens favoritos o Homem-Aranha, Mulher-Aranha (Jessica Drew) e Jessica Jones.

VÍDEOS

Navegador de Podcasts





PADRIM

Padrim3

Visite Nossa Loja Virtual

Loja Virtual

CANAIS

Feeds Twitter You Tube Instagram Facebook

Fan Page

9ª Arte