Erick Vinícius On maio - 22 - 2018

Títulos Aracnídeos | Giant-Size Spider-Man – Volume 1

Nos anos 70 edições especiais intituladas Giant-Size começaram a surgir entre os lançamentos da Marvel. Elas assemelhavam-se às edições anuais, com mais páginas, lombada quadrada e aventuras completas, normalmente com mais páginas. Como era de se esperar, o Homem-Aranha foi um dos primeiros a receber uma edição voltada para ele.

Giant-Size Super Heroes #1

Publicada em Junho de 1974, Giant-Size Super Heroes estreou com a intenção de se tornar uma nova série regular da Casa das Ideias. A primeira edição, totalmente focada no Homem-Aranha, trazia uma aventura inédita de 24 páginas com o personagem enfrentando o filho de J. Jonah Jameson, transformado em Homem-Lobo e Morbius, o Vampiro Vivo, numa história nunca publicada no Brasil. Completando a edição tivemos a republicação de dois conteúdos da primeira Annual do Aranha: A galeria de vilões, dessa vez com a adição de rostos novos criados entre a publicação original e essa edição e a mini história bem humorada How Stan Lee and Steve Ditko create Spider-Man! (Como Stan Lee e Steve Ditko criaram o Homem-Aranha!). Os conteúdos da Anual foram comentadas nesse Thwip View Classic. Apesar da pretensão de se ter uma nova revista da editora, Giant-Size Super Heroes foi cancelada logo na primeira edição. O motivo não foram más vendas ou coisas do tipo mas sim a troca da revista por uma assumidamente dedicada ao Aranha. Nascia assim a Giant-Size SPIDER-MAN.

O Aranha assume oficialmente o título

Nos anos 70 o Comics Code que regia e restringia as histórias em quadrinhos a temas amenos finalmente foi revisado e passou a permitir a inclusão de monstros como lobisomens, vampiros e toda essa galera simpática e agradável das profundezas. Isso, unido à um período de experimentação e inovação na Marvel, que vivia uma época de vantagem sobre a Distinta Concorrência, abriu as porteiras para personagens como o Lobisomem, Motoqueiro Fantasma, Homem-Coisa e alguns vampiros. A primeira edição de Giant-Size Spider-Man é uma boa representante dessa época por que, logo em sua primeira edição, trazia um inimigo bem diferente. Em 30 páginas de história tivemos o primeiro confronto do Aranha contra o Drácula! Essa é uma das poucas Giant-Size que foi publicada no Brasil. Homem-Aranha #16 e Drácula versus Heróis Marvel #2, ambas da Editora Abril, trouxeram essa história para nós, ambas em formatinho, e fica aqui a esperança de uma publicação em formato americano em alguma edição da Coleção Histórica da Tumba do Drácula. Completando a revista tivemos a republicação de Strange Tales Annual #2, uma história do Aranha contra o Tocha Humana logo no início da carreira dos dois heróis, história ainda inédita no Brasil porém com esse Thwip View Classic para você ouvir.

A febre do Kung Fu em alta

Na edição seguinte a Marvel aproveitou uma febre da época, o Kung Fu, e trouxe para um Team-Up com o Aranha o personagem que ela criou para suprir esse público. Assim surgiu o encontro do Teioso com Shang Chi, o Mestre do Kung Fu. Em 30 páginas de história os dois heróis se envolvem em um típico mal-entendido até derrotarem o grande Fu Manchu nas páginas finais. Quando comecei a escrever essa matéria a revista ainda era inédita no Brasil mas a Panini fez uma grata surpresa de publicá-la na edição 2 da Coleção História Marvel: Mestre do Kung Fu. Completando a edição tivemos a republicação da The Amazing Spider-Man Annual #3, história em que o Aranha quase entra para os Vingadores mas desiste por não sentir um clima com o Sr. Stark achar uma boa ideia. Você pode ouvir o Thwip View Classic da história clicando aqui.

Direto do Túnel do Tempo

A terceira edição, seguindo com as histórias fora do padrão, temos um encontro diretamente com um personagem do passado. Em uma história de 33 páginas o Aranha, tal qual um gatinho curioso, segue uma luz piscante que o transporta para o passado, onde tem uma aventura com Doc Savage, personagem pouco conhecido no Brasil mas que teve revistas publicadas nos EUA nos anos 70. Assim como Conan e outros personagens, Doc Savage não era uma criação da Marvel, tendo a editora apenas os direitos para publicá-lo. Por esse motivo essa história não foi republicada por muitos e muitos anos, uma vez que a editora não tinha mais autorização. Essa edição, e as seguintes de Giant-Size Spider-Man, permanecem inéditas no Brasil. The Amazing Spider-Man #16, uma revista que trazia o encontro do Aranha com o Demolidor, foi republicada na edição mas com uma curiosidade: A história foi abrilada editada para que as 22 páginas se tornassem 19 e, além disso, trechos em que o uniforme amarelo do Demolidor aparecem tiveram o mesmo recolorido de vermelho, provavelmente para evitar confusões (ou apenas um erro do colorista mesmo). Ouça o Thwip View Classic do encontro com o Demolidor clicando aqui.

Punidor a solta

Um novo encontro com o Caveira Punidor Carrasco JUSTICEIRO é o foco da quarta edição. Em 27 páginas de história temos o Aranha tendo que lidar com a forma de fazer justiça do companheiro para, juntos, derrubarem o temível Moses Magnum. (Inclusive recomendo fortemente que ouça nosso Thwip View Classic da história, quase passamos mal de tanto rir). A outra história publicada na edição é o magnífico encontro do Aranha com o Doutor Estranho para enfrentar o maravilhoso Xandu Xanadu! Thwip View Classic aqui.

Que coisa não?

Por fim temos a quinta edição, com uma história do Aranha com o Homem-Coisa. Em suas 30 páginas vemos Peter conseguindo convencer Jameson a ir fotografar o tal Homem-Coisa na Flórida, local onde ele tem um amigo: O Dr. Curt Connors. Obviamente os acontecimentos levam Connors a se transformar em seu alter ego, o Lagarto, e temos a confusão armada ao adicionar o Aranha e o Homem-Coisa na equação. O mais interessante da edição é a arte, onde podemos claramente ver um lagarto voando (abaixo). A Gwen clone também dá as caras na história. Semelhante à terceira edição, aqui temos outra Amazing editada para caber na revista, a The Amazing Spider-Man #21, que conta com uma história com o Besouro, comentada nesse Thwip View Classic.

A Giant –Size Spider-Man ainda teve uma sexta edição, porém essa não possui histórias inéditas. Ela foi uma republicação da The Amazing Spider-Man Annual #4 (ouça o Thwip View Classic aqui). Giant-Size Spider-Man foi, em geral, um título mediano. Possuía um bom acabamento, com as raras (na época) lombadas quadradas e trazia sempre aventuras completas. Provavelmente a revista durou pouco tempo devido ao preço alto, o dobro das revistas regulares. Diferente das anuais, que eram publicadas apenas uma vez por ano, as Giant-Size Spider-Man eram um título extra em uma época em que o Aranha já possuía duas mensais, o que literalmente dobrava o valor gasto com HQs numa época em que a maioria do público eram crianças que dependiam do dinheiro dos pais. Nós publicamos Thwip Views Classic sobre todas as edições. Segue links, clique para ouvir:

Espero que tenham gostado e logo logo retorno para falar de mais um Título Aracnídeo!

Sobre o Autor

Erick Vinícius tem 29 anos, é cristão, formado em Engenharia Elétrica, projetista de esquemas elétricos de automóveis e, logicamente, maluco pelas histórias do Homem-Aranha!

VÍDEOS

Navegador de Podcasts





PADRIM

Padrim3

Visite Nossa Loja Virtual

Loja Virtual

CANAIS

Feeds Twitter You Tube Instagram Facebook

Fan Page

9ª Arte