Gustavo Mannarelli On janeiro - 29 - 2020

Resenha: Amazing Spider-Man: Daily Burgle #1

Atenção, esse post contem informações inéditas no Brasil e Estados Unidos.

A mídia impressa ainda não morreu… ainda.

Plot: A edição começa mostrando a evolução do prédio do Clarim através dos anos e o Robbie andando pelos vários setores do Clarim (o que segundo um dos funcionários não é bom sinal). Então vemos o Robbie passando o trabalho pra alguns dos funcionários, que o Ben Urich, a Glory (agora editora), o Peter (agora não mais editor) e a Kat (lá do The Pulse). Após dar o trabalho pra todos, destaque pro Peter que voltou a ser fotografo freelancer, o Robbie puxa o Ben pra um canto, dando à ele a função de acompanhar a nova funcionaria do Clarim, que é a sobrinha do Robbie (nepotismo a gente vê por aqui).

 

 

 

 

Vamos então pra um café, onde o Ben conversa com a Chloe, a sobrinha do Robbie, onde vemos que é ela quem está dando uma força pro tio, e não o contrario, já que ele é especialista em mídias digitais, e o conselho dela pras vendas é o mesmo que o Johan daria: fazer matérias sobre o Homem-Aranha. Vamos então pra uma escola, onde o Ben vai sozinho investigar o sumiço de um professor de ciências, que desapareceu com todo o equipamento de laboratório. Pulamos então pro Peter, que vai como Homem-Aranha pra um lago tirar fotos, e vemos através de um pato que a água está envenenada.

 

 

 

 

Enquanto a Chloe investiga a história das teias do Homem-Aranha espalhadas pela cidade, o Aranha mesmo chama um super-herói com poderes de peixe pra tentar descobrir através dos peixes de onde está vindo o que quer que está poluindo a água do lago. Voltamos pro Ben chegando em casa, onde o mesmo tem uma discussão com o chefe já que ele deixou a sobrinha sozinha com a própria história, e essa discussão parece salva-lo, já que o apartamento dele explode bem na cara dele. Enquanto o Robbie vai ver se o Ben está bem (já se habituou à tentativas de homicídio), vemos ele recebe uma ligação da sobrinha, que encontrou história, pois enquanto investigava as teias, ela achou um cadáver preso nelas.

 

 

 

Analise: Temos um começo no minimo interessante. A história particularmente ainda não me empolgou (não é a 1ª vez que incriminam o Aranha de homicídio, e nem a 2ª), mas é legal ver histórias focadas nos coadjuvantes.

Nota: 7,0

Sobre o Autor

Só mais um daqueles fakes da internet que por acaso também é fã do Homem-Aranha.

VÍDEOS

Navegador de Podcasts





PADRIM

Padrim3

Visite Nossa Loja Virtual

Loja Virtual

CANAIS

Feeds Twitter You Tube Instagram Facebook

Fan Page

9ª Arte